Esquizofrenia

A esquizofrenia é um transtorno psicológico caracterizado por pensamentos ou experiências que parecem não ter contato com a realidade, afetando a capacidade da pessoa de pensar, sentir e agir com clareza.

As estatísticas demonstram que ela atinge 1% da população, ou seja, uma em cada cem pessoas, sem distinção de sexo, raça, classe social ou fatores geográficos. No Brasil, existem em torno de 1.500.000 pessoas com esquizofrenia.

A esquizofrenia se manifesta no momento em que o indivíduo está entrando em sua fase produtiva para a sociedade, por volta de 20 a 30 anos.

Os mitos e preconceitos sociais atrapalham o entendimento da esquizofrenia, que é tida como “loucura”. Isso prejudica o modo de se lidar com um parente ou amigo com esquizofrenia, encarado como um “louco”, ou como um “doido”.

As causas da esquizofrenia ainda não foram descobertas, mas evidências permitem afirmar que fatores ambientais, como o estresse e o uso de drogas, e genéticos, têm influência no aparecimento da doença.

O tratamento deve ser levado para a vida toda, e permite a pessoa conviver normalmente em sociedade. Consiste em medicamentos, acompanhamento terapêutico e psiquiátrico.

O apoio e compreensão da família é essencial para a recuperação do familiar com esquizofrenia. Por isso, é tão importante ter conhecimento sobre como lidar com a doença.

Conheça 5 conselhos que podem ajudar os familiares a lidar com a esquizofrenia:

  • Troque experiências com pessoas que passam pelo mesmo
  • Encare qualquer situação com tranquilidade
  • Desfaça-se de preconceitos
  • Não critique ou ridicularize
  • Evite ser super protetor

Deseja começar com um acompanhamento psicológico on-line?

Deixe um comentário