fbpx

Dificuldade de tomar decisões, o que fazer da própria vida

Gosto (ou gostava) de muitas coisas, sinto que quero ”ser” várias coisas, fazer várias coisas e tenho muita dificuldade de escolher 1, pois pra isso preciso abrir mão de todo o resto. Sempre amei a ideia de algo relacionado a cinema, criação de vídeos e afins, assim como também amo natureza, amo viajar, amo a ideia de ter liberdade de ir e vir, conhecer vários lugares. Passei por 3 cursos diferentes de graduação (nenhum a ver com isso) e larguei todos pois não sentia motivação nenhuma.
Só que hoje, já tendo 28 anos, não consigo saber o que fazer da vida. Só tenho o ensino médio, não sei se a resposta seria fazer faculdade (psicologia ou biologia?). Não sei se faço cursos online de edição de vídeo (mas como trabalharia? Não conheço ninguém, não tenho networking nenhum, só tenho um celular de equipamento). Sempre tive medo de chegar aos 30 anos e continuar me sentindo perdida e advinha só? É exatamente o que está acontecendo!
Eu era extremamente sonhadora, vivia no mundo da lua, criava vários cenários na minha mente e parece que de repente acordei, mais velha, e me sentindo de mãos atadas.
Hoje eu já nem consigo colocar fé em mim. Já iniciei tantos cursos, já tive ideias, já fiz aulas de instrumentos, idiomas…. e em tudo tem uma hora que eu não sinto mais nada. Hoje já nem acho que sou capaz.
As vezes me empolgo ouvindo música e começo a imaginar várias coisas, mas logo me dou conta de que não tenho ideia do que fazer aqui na ”vida real”. E o tempo tá passando e me engolindo. La no fundo tenho a impressão de que se eu conseguisse atingir meu potencial, eu iria me surpreender comigo mesma pois a verdade é que eu nem me conheço. Mas parece que tem algo que prende meus pés e nunca dou muitos passos à frente. As vezes me sinto tão perdida, não consigo planejar nada, é quase impossível traçar um plano para daqui a 5 anos ou algo do tipo, é como se fosse um branco. É bizarro, é triste. Sinto que tem algo bonito aqui em mim, que talvez dê para meu futuro ser bonito, mas tem algo maior que me deixa cega e impotente, e eu não sei o que é isso que não deixa eu me desenvolver. É como se eu mesma me sabotasse, eu não sei.
A verdade é que eu não sei de nada. Desculpem a ausência de foco em fazer a pergunta, acho que só precisava falar.

37
3
0
placeholder
março 2, 2022
feminino
11

  • Ricardo Aleph

    Olá! Uso o Tarô como ferramenta de desenvolvimento. Vou lhe dizer, em partes, o que diz sobre você: interessante em você são as características do "rei de copas". Temperamento sensível, inconstante, de sentimento profundos. Uma das características de pessoas assim é jamais encontrar uma parada, um porto. E nisso me refiro ao emocional. Pois, como no teu caso, essa característica estagna a vida da pessoa. Você está no "mundo das emoções". Nesse mundo você pode atingir altos níveis, ser dinâmica, mas no mundo real, negativo e onde há uma tendência de tudo "voltar ao pó", você não se conecta. Teu mundo (mental) é dos planos sem fronteiras. Nosso mental e emocional não possuem barreiras, pois são constitutivos de nossa alma. O que as cartas mostram também é que terá de desistir, se afastar do plano emocional, por um tempo. Criar raiz na realidade. Após criado raiz na realidade você poderá insuflar nela teu emocional e mental. Criará conexão então. Mas como teu plano é o das idéias e emoções busque áreas afins. Poderá ser útil as pessoas. Mas dificilmente terá um porto em tuas emoções.

  • amigadecoracao

    Lendo seu desabafo me identifiquei muito! E preciso te dizer: Ser multipotencial não é um problema. Vc tem um mundo de possobilidade nas mãos e hj as profissões não são mais engessadas. Se vc ama vídeos faça algo nessa área nem que seja como hobbie... ter essa habilidade lá na frente pode te ajudar a divulgar teu negócio, a transformar tua formação acadêmica em algo diferenciado na forma de comunicar conhecimentos. Antes de pensar no curso de graduação pense no que gosta no mercado (embora seja algo que sempre muda) e como será teu dia a dia na profissão. O que tem tornado as profissões e profissionais cada vez mais únicos e interessantes na minha opinião é qdo existe essa multipotencialidade onde uma bióloga pode ser turismóloga e especialista em fotos e filmagens em regiões específicas... cada detalhe do que vc ama fazer vau ser a tua digital na profissão que seguir. NUNCA É TARDE: Minha mãe tem 58 anos e está se formando ano que vem e super realizada montando seu próprio negócio!

  • Teodora

    Lua Orion, Acredito que em várias fases dá vida nós sentimos assim, perdidos, sem perspectivas. Mas, devemos continuar caminhando, procurar se encontrar, se conectar com nós mesmos. Eu também já fiz vários cursos livres, e 3 cursos técnicos, e em um após o curso todo de 18 meses, quando eu estava no segundo estágio, que eram 3. eu descobri que aquela área não era pra mim. Tive momentos de introspeção e de pensar: nossa, será que eu não conseguir me encontrar profissionalmente ? Ficava preocupada com a minha idade, que estava avançando. Depois de muita procura encontrei minha área desejada, cursei minha graduação, já se passaram alguns anos e hoje estou novamente a procura de ter uma segunda fonte de renda na área dá educação tmb, pois descobri que amo ensinar e vários outros porques nessa área eu consegui me identificar. O segredo é estar em constante procura do que você curte fazer nos momentos livres, buscar reportagens, vídeos, livros, pesquisas sobre auto conhecimento. Pois ajuda dar um norte. E se você puder fazer teste vocacional, seria ótimo !!! Ter algumas opções que te norteiam e que você poderia pesquisar mais a fundo. Lembre-se que seria interessante você colocar uma data para você se decidir, entre algumas que o teste pode te apresentar como seu perfil. Pesquisar mais a fundo o que faz cada profissão no dia a dia, para ver se você se vê exercendo essa profissão. E com a data você saber que tem que decidir ! É bom termos objetivos, mas para sair do papel muitas vezes ter algo escrito num lugar que você todos os dia, te faz lembrar que as decisões, ações precisam ser tomadas ! Pois o tempo urge !!! Mas, acredito que em qualquer idade, pode haver mudanças de rotas, mas precisamos inicialmente nos conhecer para saber o que gostamos, o que irá nos preencher no dia á dia profissional. Há tempo de pensar, há tempo de semear suas idéias e propósitos, há tempo de regar os seus objetivos, há tempo de aguardar resultados e a tempo de colher o que você realmente plantou !!! A vida é assim, ela não vem pronta, nós precisamos desenvolver algumas ferramentas para evoluir em todas as áreas dá nossa vida !!! Lua, Buenas Sorte

Converse em tempo real

Login

Desabafe no Site

Cadastre-se

Crie uma conta no Sunas

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp

Login

Desabafe no site

Entre na Comunidade

Converse em tempo real

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp