fbpx

Me sinto feliz mais triste por ser solitario

Eu moro no interior em um local muito afastado da cidade, cerca de 7 ou 8 km da cidade por isso nunca tive muitos amigos ou algum tipo de relacionamento amoroso, em 2018 eu comecei na facudade , e la eu conheci uma garota com quem tive uma espécie de amizade colorida, no começo achei aqilo as mil maravilhas mais logo começou a pior época q eu ja vivi, por eu não ter nenhum tipo de experiência com mulheres na época eu acho q me confundi e me iludi muito dormia e acordava pensando nela, mais logo após começou a parte ruim, ela era LGBT e qnd estavamos junto com o grupinho dela ela e seus amigos faziam qestão de ficar esfregando na minha cara com qnts ela ja tinha transado e o qnt eu era só mais um virgem q segundo eles ela “descabaçou” e ficava falando na minha frente q achava várias pessoas bonitas e q tunha vontade de se sentar ou comer, por me sentir desconfortavel comecei a tentar me afastar dela e deles, mais por ser muito introvertido eu nunca conseguia falar que eu nn qeria papo com eles e acabava deixanto tudo acontecer, logo após um tempo eles perceberam q eu não qeria papo com eles e foi ai q a pior parte começou, apesar de eu ter 1,85 m na época eu era muito complexado com minha aparencia pois meu rosto tem traços femininos e minha vós não é grossa e minha barva é muito falhada por isso sempre raspava ela, ao saberem q isso me afetava muito eles começaram a me chamar de travesti e caçoavam muito da minha vós, e ela a garota q eu praticamente amava era qem liderava todo esse pessoal, após 2 semestres tranqei o curso e começou a pandemia, desativei minhas contas em todas as minhas redes sociais, pois tinha medo q aqelas pessoas q um dia eu considerei amigos tentassem falar comigo, hj em dia eu não consigo mais raspar minha barba e uso boné frequentemente para tentar disfarçar os traços do meu rosto, além disso tomo remedio pra ansiedade . Logo após a pandemia aliviar eu fiz outro vestibular e hj em dia faco outro curso em outra faculdade, la eu não tenho contato e não conversso com ninguém apenas assito minha aula e volto pra casa, nn tenho a minima vontade de interagir fazer amigos ou ter qualquer tipo de relacionamento, passo meu tempo lendo ou assitindo animes quando não estou estudando, recentemente vi q percebi q faz varios meses q eu não saio de casa e não concersso com ninguem além dos meus familiares, me assustei um pouco pois me sinto muito confortavel vivendo essa vida solitaria, mais as vezes a noite me sinto muito vazio e triste por não ter ninguem pra converssar.

21
3
0
placeholder
Z
fevereiro 27, 2022
masculino
1

  • x

    Oi Z! Fiquei bastante sensibilizado com o seu desabafo! Infelizmente existem pessoas como essa garota, que fazem pouco dos sentimentos dos outros, não tem nenhuma empatia e claramente usa as pessoas para se divertir. Imagino que você tenha ficado bastante decepcionado, qualquer um ficaria. Não sei se você se sentiria confortável, mas acredito que uma psicoterapia ou até mesmo um papo aberto com alguém próximo ou com a gente por aqui pode ajudar a ressignificar toda essa situação e ver as coisas de uma forma diferente. Se quiser contar um pouco mais da sua história e continuar o papo, adoraremos te conhecer melhor e continuar o papo. Em relação à sua aparência, poxa, fico com a impressão que você faz um juízo de valor muito grande e se coloca pra baixo. Percebe que eles só começaram a te zoar quando perceberam que isso te incomodava? Pelo menos foi isso que entendi do seu relato, faz sentido? Dizer que azul é cor de homem e rosa é cor de mulher é análogo a dizer que ter o rosto mais assim é coisa de homem e mais assado é coisa de mulher... No fundo é uma construção social que de certa forma acaba sendo imposta pela mídia, mas se for analisar friamente ter o rosto quadrado e barba cheia não é sinônimo de masculinidade ou beleza, tanto é que esse não é um padrão admirado por todas as pessoas. Dá uma olhada nessa matéria: https://www.fatosdesconhecidos.com.br/como-e-o-padrao-de-beleza-masculino-em-18-paises-diferentes/, pegaram a foto de um homem e editaram ela demonstrando como seria o padrão de beleza para esse homem ao redor do mundo. Vê que é bastante subjetivo? Tem um artigo científico que eu gosto bastante (https://www.scielo.br/j/read/a/qS3LtKY44Vdy9KsJmrL5Ljk/?lang=pt), ele traz uma citação interessantíssima: "A identidade masculina é construída a partir da negação - negando atributos relacionados à mulher, à criança ou ao homossexual - e aqueles que se consideram fora do padrão dominante de masculinidade ainda demonstram medo de serem vistos como homossexuais". Não sei se é isso que você acredita, mas faça uma reflexão para entender de onde vem esse sentimento que você tem traços femininos e mesmo que você acredite que realmente tem esses traços, qual o problema disso? Como o artigo diz, tudo que é masculino tende a negar o que é feminino, a desvalorizar o feminino, e por isso que vivemos até hoje tamanha desigualdade de gênero no Brasil e no mundo. Ser ligado a algo feminino deveria ser sinônimo de força, de resistência e de beleza! Da mesma forma te pergunto, qual o problema em não ter uma voz extremamente grave? Isso também é algo relativo, tem várias bandas de rock/metal em que vocalistas tem vozes super agudas e eles são super aclamados, na ópera os tenores com vozes mais agudas tendem a ser as grandes estrelas. Já eu, por exemplo, tenho a voz bem grave e sou gay, uma coisa não tem nada a ver com a outra sabe. Esse tipo de cobrança vir dos outros é natural, as pessoas são diferentes, crescem em ambientes diferentes com estímulos diferentes, mas você pode ser mais gentil consigo mesmo, se conhecer melhor, entender o porque que você carrega esses vieses e gostar mais de si mesmo do jeito que você é. Caso não consiga fazer isso sozinho, procure um(a) terapeuta, garanto que vai ajudar! Tente usar boné somente se você gostar deles e não para se esconder embaixo dele, raspe a barba se você gostar mais de como fica sem ela e não para esconder que não é uma barba super cheia, na verdade tem muitos famosos assumindo suas barbas falhadas e são super estilosas, dá um google pra você ver! Agora que você está em um novo momento, em uma nova faculdade, aproveite para observar as pessoas, vê com quem você se identifica e tente se aproximar, vale a pena dar uma nova chance para as pessoas, nem todos são igual aos antigos conhecidos que você descreveu. Você diz que não sente vontade de interagir e fazer amigos e que se sente confortável com essa vida solitária mas que as vezes sente um vazio por não ter com quem conversar. Isso é natural, como diria Aristóteles "O homem é um animal social" e diversas teorias provam os benefícios de estabelecer relações e das amizades. Desculpe o textão, espero que de alguma forma possa ser útil pra você! Grande abraço! Ficamos no aguardo de novidades!

  • Luana Piekoski

    Eu penso que logo você irá encontrar sua tribo - aquelas pessoas que pensam semelhante e agem de forma semelhante. E assim, poderá ter os amigos e a sociabilização que quer. É melhor mesmo ficar só, que com pessoas imaturas, que fazem bullying com um amigo, só pra ter assunto. Não tenha pressa para amar novamente, deixe acontecer. Esses percalços são normais na vida jovem, até você conquistar seus amigos verdadeiros.

  • usuario

    Olá, Z. É realmente triste o que aconteceu com essas pessoas que você considerava amigos. Ainda mais vindo de um grupo que sofre muito preconceito e acabou repetindo os mesmos padrões. Talvez por terem sofrido muito, fazem outras pessoas sofrerem por ser uma linguagem que conhecem. Claro que isso não é a regra. E por ser a regra eu te digo: pessoas ruins, todos nós vamos conhecer. Por favor, não deixa essa experiência te abalar. Eu sei que no momento pode ser difícil, a gente só quer evitar sofrer tanta coisa de novo. Ainda mais sem ter feito nada para essas pessoas. Mas olha só, como a vida te sorriu e te deu a oportunidade de recomeçar em outro lugar e com outras pessoas. Sei que fazer amigos não é como ligar um interruptor e está pronto, mas permita conhecer pessoas novas na faculdade que agora você cursa. Se permita conversar, viver experiências novas, ter outras amizades coloridas, conhecer alguém que você vai amar e vai te amar. A vida tem muitos momentos difíceis mesmo, e a solidão é uma dessas dificuldades. Como você coloca, talvez você não precise sair todos os dias, viver em festas, boates, bares, para ser feliz. Isso é muito comum, muita gente encontra mais felicidade em um livro do que em uma balada. Mas como você também diz, tem vezes que isso te faz mal. E esse equilíbrio só cabe a cada um encontrar. Tente achar o seu, tendo a tranquilidade que está tudo certo contigo. E tendo a tranquilidade que você se permite conhecer pessoas novas, para quando chegar uma noite solitária você ter com quem conversar, se assim desejar. Tudo vai se ajeitar, Z. Continue no caminho do bem e as coisas vão chegar até você. Abraços e que tudo dê certo!

Converse em tempo real

Login

Desabafe no Site

Cadastre-se

Crie uma conta no Sunas

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp

Login

Desabafe no site

Entre na Comunidade

Converse em tempo real

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp