fbpx

Não aguento mais minha situação atual

Descobri esse site pesquisando no Google um lugar onde pudesse desabafar, já que não consigo confiar o suficiente nas pessoas e não tenho dinheiro para fazer terapia. É o seguinte, tenho 27 anos e sempre tive uma infância turbulenta, meus pais negam mas sim, eu não tive uma infância boa.. Meus pais trabalhavam muito e eu não os culpo porém fui praticamente criada por babás e tinha convivência com tios e primos mais velhos q na qual sempre acabavam me desprezando, humilhando, comparando etc e tal. Logo tive um irmão, então sempre fui deixada de lado… O resultado? Cresci cheia de inseguranças, medo das pessoas, medo de me relacionar, desconfiança, baixa estima, auto boicote (eu soube do impacto de uma infância ruim depois de uns meses na terapia). Meus pais se separaram e tenho irmãos mais novos. Atualmente moro na casa da minha mãe e como ela é amiga do meu pai, ele VIVE aqui em casa dando palpite em tudo. Meu irmão mais novo foi embora estudar, eu nunca tive o apoio do meu pai seja em qualquer coisa. Por ele eu viveria vivendo de baixo do teto onde ele tenha controle mas viveria me jogando na cara a decepção de eu não ter estudado tal curso. O que me desmotivou a começar uma faculdade cedo. Tive depressão e acabei perdendo toda a motivação e força de vontade para mudar. Acabei me acomodando. Só que agora não quero mais isso! Já estou com quase 30 anos e esperando o resultado de uma chamada para ir fugida para qualquer lugar. Gente.. Eu não tenho autonomia pra nada na minha casa, exemplos: meu pai está o dia todo enfiado aqui e almoça aqui todos os dias. Tudo que eu faço ou deixo de fazer ele tem que dar um palpite tanto ele quanto minha mãe. Se estou comendo muito “não acha q está comendo muito?” Se estou comendo pouco “deve estar doente” se estou com calor e uso uma roupa curta “tá gordinha” se quero lavar o meu cabelo a noite “não acha tarde pra lavar o cabelo?” Se eu me imponho “grossa! Vai morrer solteira” se eu fumo um cigarro “hmm não deveria fumar” se eu bebo uma cerveja “hj não é dia de beber” se chega algo do correio pra mim “olha aí gastanto atoa” se eu vou pra um date “onde vai?” pessoa x “hmm nao conheco” de ultima comentei q estou tentando ir estudar em outra cidade e tive q ouvir “e nao era melhor fazer aqui?” “Tua família é tua base” gente por amor eu nao estou mais aguentando!!! Meus amigos nao moram mais na minha cidade e eu me sinto profundamente sozinha. Se quero estar sozinha no meu quarto logo vem alguém e se enfia aqui dentro pra ficar se queixando de alguma outra coisa, outra que se acham q esse monte de palpites e perguntas eh sinal de preocupação eu dispenso pois quando precisei de amparo na minha infância nunca tive. Tudo era exagero, coisa da minha cabeça.. meu pai não me dava nada com muito esforço me dava presente de 5 reais no natal. As coisas que eu tinha de brinquedos eram as minhas tias e madrinhas que me davam, e por muita insistência de uma criança q via os primos da mesma idade brincar e não tinha o brinquedo tal.. pro meu irmão eles davam tudo q quis, eu era na base de condições e merecimento (juro que eu era uma criança calma, não fazia artes nem nada) tudo isso pra mim é gatilho, sei que minha criança interior é ferida e precisa se recuperar porém agora não tenho dinheiro pra terapia, meus pais acham que é bobagem um psicólogo pois eu “tenho eles” e além de que meu trabalho o salário vai metade para os remédios antidepressivos caros que preciso tomar, se não entro em crise. É triste se sentir só. Sinto vontade de beber o tempo todo só pra ficar mais “tolerante”. Desculpa o texto mas estou bastante sobrecarregada

2
2
placeholder
março 9, 2022
3

  • março 9, 2022
    Psicóloga Giovanna Medeiros

    Olá sea_lover_42, Compreendo que sua infância deve ter sido muito difícil sem o apoio dos seus pais e com a rejeição dos seus tios e primos. Acredito que também teve piora após nascer seu irmão, me parece que você nunca teve uma relação muito boa com seus pais, certo? Achei interessante como vc trouxe que seu irmão foi morar em outra cidade para estudar, mas seus pais a criticam por vc querer o mesmo. Será se tem um machismo envolvido nessa questão? Tente conversar com sua mãe sobre como seria melhor para vc estudar em outro lugar e ter mais oportunidades e o suporte dos seus amigos, pois estar convivendo tanto com seu pai parece estar sendo bem prejudicial para sua saúde... Realmente é como se ele estivesse querendo te controlar e te impedir de crescer, e vc já é adulta para tomar as próprias decisões e merece ser respeitada. Tente não se importar muito com as críticas dele e enquanto estiver em tratamento médico, evite ao máximo o consumo de álcool, pois isso também pode te prejudicar. E não dê ouvidos a essa opinião de que psicoterapia é bobagem, vc está certa e precisa cuidar da própria saúde!

    • março 10, 2022
      sea_lover_42

      Obrigada pelas palavras!! Minha relação com meus pais não é ruim, meu eu adulto aprendeu a perdoar, a minha criança interior ferida é que não perdoou. O único problema que me adoece é que eles não respeitam o meu espaço, e não adianta falar pois na cabeça deles sou grossa e ingrata.

Ainda não tem cadastro?

Cadastre-se no Sunas gratuitamente

Ou faça seu login aqui

Ainda não tem cadastro?

Cadastre-se no Sunas gratuitamente

Já possui cadastro?

Faça seu login

Entre em nossa Comunidade de troca de mensagens em TEMPO REAL!