fbpx

eu não sei amar

Eu sempre sonhei com contos de fadas. Com amores lindos e ideais. sempre fui adepta do romance, da busca pelo amor….
isso desde criança.
mas infelizmente minha vida não foi assim, acho que de ninguém é né rs.
eu me envolvi em relacionamentos horriveis, muitas vezes despreziveis.
Eu nunca estive só.
me envolvi uma vez por desespero em nao ficar só… fiquei 5 anos com essa pessoa. Nao tinha amor..! era bom…mas nao tinha frio na barriga, borboletas, paixão. tinha o que toda relação tem que ter…ou ao menos é o que dizem ser necessario.
Ai, quando eu desisti do amor, eu a conheci… ela e aquele sorriso dela, aqueles olhos que brilham universos…
ah, eu vomitei borboletas quando a vi numa noite de festas.
nós ficamos… foi tudo tao lindo e absurdamente magico. Um amor tão profundo, fundo… Estamos juntas. ela me ama, eu nao tenho duvida. mas eu descobri que eu nao sei amar! eu tento de tantas formas fazer ela se sentir bem ao meu lado… mas eu sou um caos. um poço de inseguranças… a gente briga muito por causa disso. ela esta cansando, mas é claro. quem nao cansaria ne? eu sinto que ja se tornou algo doentiu. sadico. nao importa o que eu faça, no fim eu a machuco de alguma forma.
eu pensei em dar um fim… mas eu a amo tanto.
eu to tentando mudar… mas é dificil. eu nunca conheci o amor que fosse saudavel, gostoso e leve como o que ela me oferece…. como o que deveria ser.
eu nao sei amar dessa forma
gostosa.
Onde a gente sabe separar as coisas, a ser individual, a ser seguro e confiante. eu nao sei! eu nunca vivi isso, nunca tive contato com um amor reciproco e sadio.
Eu a vejo cada vez mais triste, por que ela me ama mas esta cansando…também, quem nao cansaria? eu mesmo estou exausta de mim. dos meus pensamentos e conflitos e piras e tudo que veio nessa bagagem de merda o qual eu me condenei la no passado.
eu vim de uma sucessão de escolhas erradas e dei de cara com a melhor pessoa que eu ja conheci na vida. Eu queria poder faze la feliz. Eu quero…
mas nao sei ao certo se eu sou capaz de dar a ela o que ela merece…

sei la.

51
4
0
placeholder
gaz
junho 22, 2021
feminino
1

  • Jess

    Oi! Eu acho que a primeira coisa que você poderia tentar é não se julgar tanto, sabe? Nenhum de nós tem todas as respostas, estamos vivendo e evoluindo com as experiências. Deixe isso claro em sua mente, converse sobre isso. Não há vergonha em se sentir insegura, faz parte do processo. Você merece ser feliz, e, às vezes, chegar até os pontos de felicidade passa por alguns caminhos tortuosos. Não desista. Você merece ser feliz! Fique bem, tá? Abraços!

  • Luana Piekoski

    O amor é algo precioso que devemos tratar como uma joia rara, pois são raras as situações em que amamos quem nos ama. Se você reconhece que não a faz feliz, converse com ela. Pergunte o que poderia fazer diferente para deixá-la mais confortável na relação. Você precisa de terapia. Ter alguém para dizer a você que esse comportamento tá errado, que você precisa corrigir as falhas. Então busque um profissional TCC. Mas, o importante numa relação é o cuidado. Cuide dela. Veja o que pode fazer por ela. Por exemplo: lavar a louça, tirar a roupa da máquina de lavar dobrar e guardar. Limpar o banheiro, aliviar a carga que geralmente recai apenas na mulher. E faça isso tudo sorrindo, pois está fazendo pelo seu amor. Confie nela. Se não confiar vai acabar minando a relação com seus ciúmes e brigas. Eu sugiro muito diálogo, muito esforço e muito carinho. Construa uma relação de sonhos, como esperava que fosse. Anote num papel seus defeitos e pergunte qual deles é mais difícil de aguentar e aí procure vence-lo, com auto observação, reflexão e meditação. É possível mudar! É possível construir uma relação serena, harmoniosa, cheia de carinho e cuidado um com o outro. Mas, ambos precisam dialogar, abrir-se e estar disposto a sacrificar seu egos e seu orgulho para construir essa relação de sonho. Continue postando suas dúvidas e vai recebendo dicas de como mudar - pois não é fácil nem rápido. Boa sorte!

  • Psicólogo Hygor Santiago

    Gaz existem diversas formas de amar. O amor e o amar, sempre estiveram e sempre estarão presentes em nossas vidas. Amamos nossos pais, filhos, irmãos, amigos, namorados, emprego, situações e contextos, coisas e objetos... A questão é que o amar nos contos de fadas é muito diferente do amar na realidade. Nos contos sempre existem os finais felizes, só é mostrado a parte "legal" "boa" da história já a vida real é cheia de atravessamentos que nos afetam. Como consequência a principal forma de amar fica prejudicada, o amor a nós mesmos! Achamos que não podemos mais amar. Essa e outras situações são exemplos do que pode ocorrer! Cuide-se

  • Psicólogo Ronnedy Pires de Paiva

    Que bom que o amor te encontrou Gaz, e que relato sensível. Pois é, realmente a vida não é um conto de fadas, mas o que nos impede de transformar os romances de filmes em realidade? Penso que reconhecer suas próprias falhas é um passo importante nesse processo, buscar ajuda é outro passo que poderá te ajudar nessa redescoberta de saber como amar. Mas aqui vai uma dica: você já perguntou a ela como ela se sente amada?

Converse em tempo real

Login

Desabafe no Site

Cadastre-se

Crie uma conta no Sunas

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp

Login

Desabafe no site

Entre na Comunidade

Converse em tempo real

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp