fbpx

Você me mata, mas eu te amo.

Mari,
Já faz um tempo que não a sinto tocar em meus lábios…
Sinto falta de desacelerar com você…
Seu calor me leva à outro mundo…
Um mundo só meu e seu,
Onde todos são bons, felizes e humanos;
Onde sorrio e rio sem medo de ser feliz;
Onde minha mente se perde em devaneios e teorias;
Onde meus sentidos se conectam com outros;
Onde eu consigo mostrar a verdade de quem sou;
Onde outros não podem me fazer menos do que feliz;
Onde minhas conspirações ganham vida;
Onde me sinto vivo;
Sei como está difícil te encontrar…
São muitos que querem que você vá embora da minha vida…
Mas você me faz feliz neste mundo onde todos tentam me derrubar.

Espero que um dia, eu consiga viver sem você. Mas não agora.

Porque, apesar todas e pessoas que me rodeiam e tentam me fazer feliz, só você me conforta.

Em cada trago, descubro um pouco de mim, um pouco de verdade e de sinceridade que ninguém me mostra, significados que ninguém revela, e intenções que ninguém estimula.

Estudei cada parte de você para saber que: o que os outros falam sobre você não é mentira, é pior do que só isso, é ignorância.

Como eu gostaria que te vissem com meus olhos, para saber como você me salvou da agonia e da depressão.

Se hoje sou melhor, parte disso é culpa sua.

E por isso, eu te amo.

Até logo Mari, te re-encontrarei na próxima bica.

8
4
0
placeholder
maio 26, 2020
masculino
4

  • Guta

    Que poesia tocante, fiquei muito deslumbrada. Acho que relacionar-se com a Mari ou com qualquer uma de suas muitas amigas, abre margem para conhecermos o melhor e o pior de nós. São relações muito complexas, como a Layla disse, nada em excesso e que nos faça mal, pode ser positivo. Espero que vocês possam estabelecer um relacionamento saudável. Eu não sei se você conhece a Redução de Danos, é um conjunto de práticas que talvez possam te ajudar nesse momento. Espero que você fique bem. Retorne com mais poesias. Grande abraço!

    • Zheuz

      Não conheço essa "redução de danos", pode me indicar algo para ler sobre?

  • Layla

    Eeei... to impressionada com seu texto. Vou falar uma coisas pra você refletir. Eh bom? Com certeza! Já te abriu a mente e os pensamentos? Com ctz! Te faz sentir uma tranquilidade e te tira ansiedade? Também... mas pensa um pouco, será que são só coisas boas que te trás? Tudo que eh demais faz mal, e se tem gente que te ama pedindo pra você se afastar disso, eh porque de alguma forma te influenciou de um jeito que não agrada tanto essas pessoas.. essas pessoas te amam e querem seu bem.. Tenta se colocar no lugar delas e tenta entender pq elas dizem pra você se afastar da Mari... Tudo que é demais na nossa vida trás coisas positivas e negativas e tem momentos pra tudo!! Equilíbrio eh a chave.. mas quando algo se torna um vicio, eh muito difícil enxergar e definir um equilíbrio.. Se cuida e se lembre sempre: vai chegar um dia que sua consciência vai estar tão elevada e em paz que você não vai precisar de Mari nenhuma para te levar a lugar mental nenhum :) beijaooo

    • Zheuz

      Obrigado pelas palavras de carinho Layla, julgo eu que equilibro é um exercício constante durante toda a jornada na terra, mas também amo o desequilíbrio pela criatividade que ele libera. Desejo uma semana de luz à você e todos que tem o prazer de tê-la como colega, você é uma pessoa de luz. Grande abraço!

Entrar no Sunas

Acesse sua conta para desabafar

Criar uma conta

Cadastre-se para desabafar

Entrar no WhatsApp

Desabafe no grupo do WhatsApp

Entrar no Discord

Desabafe no servidor do Discord

Entrar no Sunas

Entre na sua conta para publicar

Criar uma conta

Cadastre-se para publicar