fbpx

Sobre transtorno afetivo bipolar

Primeiramente farei uma crítica acerca do uso abusivo do diagnóstico de TAB (Transtorno Afetivo Bipolar). Não se trata de mera oscilação do humor, as quais podemos encontrar comumente na vida cotidiana e nos discursos do senso comum. Para algo similar, na psiquiatria, deram o nome de Espectro Bipolar, o que deve ser questionável, uma vez que a variação contínua da vida nos coloca rotineiramente em estados de tristeza e alegria, como diria o filosofo Spinoza. Algumas pessoas, inclusive, possuem um limiar de instabilidade emocional menor, e nem por isso elas são bipolares.

Historicamente, conhecida como Psicose Maníaco Depressiva, o atual TAB não mais se sustenta em uma única estrutura. Por ser da Saúde Mental e estar diante diversos casos com tal diagnóstico, me apoiei nas palavras do psicanalista Sérgio de Campos, que diz: “[…] o transtorno bipolar pode ser transestrutural, podendo estar presente em qualquer estrutura clínica – psicose, neurose ou perversão – não sendo mais sinônimo de psicose maníaco-depressiva”.

Trata-se de um fenômeno onde há episódios de mania e depressão (ou melancolia), euforia e angústia extrema. Há ainda, em linguagem acessível, um EXCESSO, bem marcado, de crises onde o humor se sobrepõe ao controle do sujeito. Pode ocorrer também momentos de estabilidade entre estas oscilações. Falamos em psicanálise a partir de dinamismos libidinais específicos e suas relações com o objeto, ocasionando variantes imperativas, seja na culpa, no desinteresse… seja nas compulsões e estados eufóricos. Automutilações e tentativas de autoextermínio podem ser comuns nestes casos.

Em casos de suspeita de TAB é muito importante a avaliação psicológica.

Ressalto que qualquer diagnóstico é de suma importância para alguma espécie de orientação profissional e não para uma taxação ou rotulação das pessoas.

📄Me apoiei no texto: ‘Considerações acerca do Transtorno Bipolar’, do psicanalista membro da EBP e AMP, Sérgio de Campos.

119
0
download (2)
julho 22, 2020
👨‍🦱 Homem
🫶 Solteiro
2

Converse em tempo real

Login

Desabafe no Site

Cadastre-se

Crie uma conta no Sunas

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp

Login

Desabafe no site

Entre na Comunidade

Converse em tempo real

Grupo de apoio

Entre no nosso grupo do WhatsApp